Madrinhas: papel na organização do casamento

Compartilhe!

Parecem detalhes. Mas aquela opinião importante sobre o vestido, uma ajuda para organizar a despedida de solteira e um ombro amigo para acalmar os ânimos quando bate o estresse são indispensáveis para que a cerimônia saia como sonhado. Por isso, de acordo com o iCasei, plataforma de serviços de casamento que já atendeu mais de 1 milhão de casais, a noiva deve selecionar a dedo as madrinhas que caminharão ao seu lado.

“As meninas participaram ativamente. Estavam a postos para me ajudar com qualquer coisa: decoração, buffet, chá de cozinha, despedida de solteira, sapatos, vestido. Além disso, quando eu ficava muito estressada, não faltavam convites para sair e espairecer”, lembra a noiva Rubia Oliveira, que se casou em fevereiro.

Até mesmo os convidados receberam parte do carinho. As lembrancinhas foram feitas por algumas das amigas, no maior estilo DIY. “Queríamos criar algo na linha bomboniere. Então, como boas paulistanas que somos, pegamos o metrô com destino à estação São Bento. Descemos na 25 de março para ir às compras! Chegando em casa, colocamos a mão na massa e fizemos tudo sozinhas”, orgulha-se uma das madrinhas mais próximas, Carol Padua.

madrinhas-organização-casamento

Missão madrinhas

Foi no dia do casamento que a noiva se deu conta do quanto aquela rede de apoio foi e ainda é fundamental para o seu bem-estar. “Como todas se arrumaram juntas e se divertiram no hotel ao longo da sessão de fotos antes da cerimônia, o dia passou voando. E a experiência foi incrível. Só quando me vi sozinha no carro, a caminho da igreja, que bateu aquele nervosismo de verdade”, afirma Rubia.

Imersa nos preparativos para subir ao altar, a coordenadora pedagógica Damylis Vasques, que se casa em maio, está nessa fase. Ela se recupera de uma cirurgia devido a uma hérnia na coluna cervical. Conta com a ajuda de suas (fadas) madrinhas. “Uma deu uma mão com os convites, outra com os bem-casados. Uma terceira com a escolha das fotos para passar no telão e por aí vai. Inclusive, elas estão me ajudando muito com a organização do chá de cozinha”, comemora, tranquila com o apoio das amigas.

As madrinhas foram as primeiras a acessar e se engajar em seu site de casamento do iCasei e a deixar mensagens de carinho para o casal, inclusive relembrando histórias que marcaram a vida deles. Uma delas foi a pedagoga Letícia Kugler, que conhece a noiva há mais de dez anos. Ela enxerga na amiga dos tempos de faculdade praticamente uma irmã. “Ela é madrinha de batismo do meu filho e, embora eu more em outra cidade, estamos sempre trocando mensagens sobre os preparativos e comemorando cada passo juntas”, conta.

Um conselho de ambas as noivas para quem está prestes a escolher suas madrinhas? Selecionar pessoas que realmente se preocupem com o casamento tanto quanto elas. “É importante não se deixar levar pelo impulso de considerar essa ou aquela alternativa só para agradar os outros. É priorizar pessoas que realmente participam da vida do casal”, aconselha Luis Machado, fundador do iCasei.



Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *