Segundo filho… por que eu devo ter?

Compartilhe!

Segundo filho é sempre uma cobrança. E nem todas as mães encaram essa pressão com naturalidade. É o que acontece com a Kamila Garcia, nossa colunista de Pais e Filhos. Ela faz um desabafo na sua coluna desta semana: por que ter o segundo filho? Por que as pessoas se acham no direito de questioná-la? “Não quero e não vou ceder às pressões da sociedade para o segundo filho”, garante. 

Segundo filho: gastos em dobro

Minha coluna hoje é quase um desabafo!!! Minha filha está com 04 anos e quase todos os dias tenho que me deparar com a seguinte pergunta: ‘quando vai encomendar o segundo?”.  Não importa o grau de intimidade que o interlocutor possua, ele sempre te faz essa pergunta.

Tem dias que dá vontade de ser grossa… Mas… Respiro fundo, coloco um sorriso no rosto e digo: “Já me sinto realizada com a minha menina, não tenho planos de ter outro bebê”. Às vezes, o diálogo para por aí! Mas, às vezes, tem a réplica: “nossa… mas quem tem um não tem nenhum” :000000

Segundo filho... por que ter - Clube das Comadres 1

Pasmem, existem pessoas que palpitam dessa forma na vida dos outros. Se você é como eu, está bem resolvida com seu filho (a) único, então senta aí e vem ler meu pequeno texto!

Vamos pular a parte romântica da maternidade, sobre o amor sem limites, sobre momentos mágicos, etc. Vamos falar da parte financeira! Quanto custa ter um filho? Para conseguir ter uma vida confortável de classe média, um filho custa em média R$ 2.000,00 a mais no orçamento familiar.

Agora pensa quanto custa ter dois filhos? Duas mensalidades de  colégios, dois planos de saúde, dois presentes de Natal, duas festas de aniversário, duas mensalidades de inglês, natação, etc. Será que essas pessoas que me cobram um segundo filho vivem no mesmo pais que eu? Ou será que a inflação para mim está diferente?

Segundo filho... por que ter - Clube das Comadres 2

Não deixe que decidam a sua felicidade!

Dedico-me muito à minha filha, trabalho/batalho por ela, planejo as melhores férias por ela. Quando saio para fazer compras só penso nela! Abrimos mão de muitas coisas em nosso casamento em prol dela. E sempre deixo bem claro para ela que sou e sempre serei a melhor amiga dela.

Isso para mim é realização, não quero e não vou ceder às pressões da sociedade para o segundo filho. Não se sinta um ET se você pensa como eu e não tem coragem de falar. Cada família tem seu formato, existem casais que se sentem realizados com a casa cheia de filhos, outros optam por um e outros nem quero filhos. Mas o mais importante de tudo é: não deixe que ninguém decida sua felicidade por você.

Veja também:

 



colunista1Kamila Garcia De Souza. Mãe coruja. Assessora de imprensa. Cursa faculdade de marketing. Apaixonada pelo trabalho e pela escrita (“Sim, eu amo muito escrever”).



 

Compartilhe!

Um comentário em “Segundo filho… por que eu devo ter?

  • 27/06/2018 em 9:02 AM
    Permalink

    Muito obrigada pelas palavras.Estou passando por tudo isso. Concordo plenamente com você.Sobre minha vida, meu corpo e familia quem decide somos meu marido e eu e ponto final. Bju grande .

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *