A Arte de Pertencer, livro sobre o poder da empatia

Compartilhe!

A Arte de Pertencer, escrito por Fernando Moraes, professor universitário e humanista formado em Ciências Sociais, Filosofia, Teologia e Direito. Ele também é especialista em elaboração e gerenciamento de projetos sociais, discute as relações atuais da humanidade e conta algumas de suas experiências vividas em missões sociais. A obra é publicada pela Editora Novas Ideias. 

Em seu trabalho humanitário, o autor viajou para diversos locais do Brasil e a África. Mesmo tendo uma infância difícil, Fernando batalhou e estudou muito, graças à educação teve oportunidade de crescer. Com suas obras, ele deseja passar o que aprendeu adiante.

A Arte de Pertencer - livro - empatia

A Arte de Pertencer faz uma reflexão sobre o esvaziamento de relações. A forma que as pessoas agem em sociedade, e a convivência na era da convergência de mídias. Segundo o autor, o sentimento de pertencer virou um desafio na sociedade atual. Com sua personalidade resiliente e caráter humanitário, Fernando se compromete em mostrar, em seu livro, as coisas do cotidiano que fazem a vida valer a pena.

O ato que desperta o sentimento de pertencer começa quando as pessoas reconhecem suas fragilidades e ignoram a separação que a sociedade impõe. Seja de idioma, classe social, cultural, etc. Acima de tudo, a obra do humanista faz pensar.

A Arte de Pertencer - livro - empatia
O escritor Fernando Moraes aborda o poder da empatia.

A Arte de Pertencer, forma de se ver no outro

“Pertencimento não é uma ferramenta de gestão, muito menos uma ciência. Pertencimento é uma forma de se ver no outro, de entender que, apesar das diferenças, somos participantes da vida.” A Arte de Pertencer, página 17 – Fernando Moraes

Fernando Moraes é inquieto e curioso. Professor universitário, cursou Ciências Sociais, Filosofia, Teologia e Direito. Já realizou muitos trabalhos no campo missionário em comunidades pobres. Foi consultor social da OIKOS Portugal – Cooperação e Desenvolvimento em Angola (Luanda e Huíla), no Projecto Jango, em 2007 e 2008.

Foi consultor da Adra (Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais) na Bahia e na Amazônia, para projetos sociais e de formação de lideranças no sertão. Foi ainda Secretário Municipal de Desenvolvimento Social e também Secretário da Educação da cidade de Hortolândia (SP). Fernando Moraes é palestrante nos temas cidadania ativa, protagonismo social e comunitário, responsabilidade pessoal, civil e social. Além de voluntariado alterativo, desenvolvimento como conceito de totalidade e pertencimento social.



Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *