Santa Teresa de Lisieux, a nossa Santa Terezinha

Compartilhe!

O livro Santa Teresa de Lisieux – Uma Jovem Doutora, de Pedro Penna – Editora Cassará, mostra a incrível jornada da desconhecida jovem do interior da França. Ela sequer conseguiu terminar o colégio. Ingressou no Carmelo aos 15 anos, após ter ido a Roma solicitar a autorização do Papa. Faleceu muito nova, aos 24 anos. Mas seus escritos e devoção tiveram repercussão mundial.

Os pensamentos e intuições de Teresa de Lisieux, no Brasil, popularmente conhecida como Santa Teresinha, tornaram-se objeto de estudo de grandes teólogos. Além de obras de renomados escritores e de manifestações de todos os pontífices que sucederam a Leão XIII. Em 1997, ano do seu centenário, o santo Papa João Paulo II proclamou-a Doutora da Igreja. E é sobre “o mistério de Teresa” que o livro discorre. Aborda tanto o ponto de vista humano, como a ação da graça – a presença da transcendência – na vida e na espiritualidade da jovem irmã carmelita.

O interesse sobre Santa Teresa teve sua origem quando o autor tinha 18 anos. Na época, leu alguns de seus pensamentos no livro História de uma Alma. Até aquele momento ele pouco conhecia sobre a santa carmelita. A leitura daquelas passagens, no entanto, tornou-se o ponto de partida para um maior conhecimento de sua história e de seus pensamentos.

Pedro Penna não é romancista, teólogo ou religioso. Aliás, seu olhar sob Santa Teresa de Lisieux é o “olhar de um leigo, de um engenheiro”, que é a sua formação. Ele diz que uma frase de Santa Teresa resume bem o que ela é. “O Evangelho me ensina e meu coração me revela”, que traduz onde suas intuições se originam e como se manifestam.

Santa Teresa de Lisieux - livro - santa terezinha

Santa Teresa de Lisieux: autor foi para França

Pedro formou-se em engenharia, trabalhou, casou, aposentou-se. Só então teve tempo para conhecer melhor a doutrina e a vida de Santa Teresa do Menino Jesus. Foi nesse período que surgiu uma excelente oportunidade de dar seguimento ao seu tão sonhado projeto. Em 2008, o Institut d’Etudes Thérésiennes – IET, com sede em Lisieux, na França, iniciou o primeiro ciclo de estudos sobre a vida e a obra de Santa Teresa, com palestras, leitura e interpretação de escritos teresianos. Além da realização de trabalhos de grupo. A viagem a França e a participação no ciclo de estudos não se restringiu à aquisição de cultura história e doutrinal teresiana. Aconteceram também visitas em locais relacionados à vida de Teresa, inclusive a possibilidade de visitar parte do interior do Carmelo.

Com tudo o que ouviu e viu nesse ciclo de estudos, que ocorreu de 2008 a 2010, a motivação para compartilhar os conhecimentos adquiridos sobre a santa carmelita só aumentou. Então Pedro resolveu escrever em um livro a mensagem forte e importante de Santa Teresa.

“Compartilhar com o povo brasileiro o que considero ser uma verdadeira riqueza – a vida e a espiritualidade de Santa Teresa de Lisieux -, foi o que me motivou a escrever sobre ela. Observo que Santa Teresa é muito cultuada no Brasil e popularmente conhecida como Santa Teresinha. Na França, a cidade de Lourdes é o maior centro de peregrinação. Em segundo lugar encontra-se Lisieux, onde os brasileiros são, fora os franceses, o povo que mais visita esta cidade para peregrinar e conhecer os locais onde a santa carmelita viveu”, explicou o autor.

Santa Teresa de Lisieux - livro - santa terezinha
O autor Pedro Penna, que estudou a vida de Santa Terezinha. 

Caminho da espiritualidade

Os conhecimentos adquiridos no período em que passou na França foram infinitos. O autor conheceu os locais que Santa Teresa frequentou, sua cidade de origem, Alençon, a casa onde nasceu e viveu com os pais. Além da Basílica dedicada a ela em Lisieux, o Carmelo (onde existe clausura) onde ela viveu seus últimos nove anos, destacando a sala onde eram apresentadas as peças teatrais e inclusive a enfermaria onde permaneceu seus últimos meses.

Além disso, o autor visitou o Convento das Visitandinas em Caen, Normandia. É onde viveu e morreu como religiosa sua irmã Léonie, hoje em processo de beatificação. Os estudos possibilitaram também o aprofundamento em sua vida e espiritualidade. Feito través da explicação e interpretação de seus textos, poesias, orações, cartas, etc. Feito por grandes especialistas na espiritualidade Teresiana.

Para o autor, a imagem que Santa Teresa do Menino Jesus nos deixa é de uma jovem inteligente. Além de simples e humilde. Mas com alma de guerreira e sensível em sua feminilidade. Uma santa que traz uma mensagem renovadora para a Igreja Católica em que sublinha que Deus é bom e misericordioso. Dessa forma, ela propõe uma via de confiança e amor para o mundo moderno. Aliás, ela apresenta o caminho de espiritualidade evangélica que viveu, ensinou e a santificou – a “pequena via”. E que todos podem seguir.



Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *